Estilo de Vida - Dicas


Bronze com Saúde


A exposição solar desenfreada pode levar ao câncer de pele e ao envelhecimento precoce, mas é possível obter um bronzeado bonito e saudável, sem causar danos à saúde ou à beleza.

De acordo com a dermatologista Marcela Studart, membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia, pós-graduada pela Universidade do Rio de Janeiro, o grande erro está em querer adquirir a cor de um verão inteiro em um único dia de sol. “O verdadeiro bronzeado só começa a aparecer a partir de 48 a 72 horas após a primeira exposição. Esse é o tempo necessário para que a melanina, pigmento que dá a cor a pele, seja produzida e liberada”, afirma.

Segundo a médica, o ideal é se expor gradativamente, sempre com fotoprotetor adequado ao tipo de pele, evitando o horário entre 10 e 16 horas. “Mesmo quando a idéia é ficar mais corada, é importante reaplicar o protetor no corpo e na face a cada duas horas, ou sempre que mergulhar ou suar muito. Dessa forma, após alguns dias, a cor já será a desejada, sem ardências ou descamações”, garante.

Se a pele for muito clara, a médica recomenda tipos de bronzeamentos mais suaves, como os cremes autobronzeadores e o bronzeado a jato. “Os autobronzeadores são cremes ou loções com dihidroxiacetona, substância que provoca uma reação química na pele, escurecendo-a. Esta reação estimula uma pigmentação da camada mais externa da pele, dando uma cor semelhante a do bronzeado. Eles não causam mal algum, a não ser a pessoas que têm alergia aos componentes das fórmulas. Já a técnica a jato emite pigmentos que se depositam na pele em uma concentração maior. Por isso é mais indicada para quem quer exibir a pele morena mais rapidamente.

Em relação a câmaras de autobronzeamento, a dermatologista é enfática. “São totalmente contra-indicadas. Provocam o envelhecimento precoce da pele e aumentam a possibilidade da formação de câncer de pele. Para se ter uma idéia, a radiação UVA nessas câmaras se apresenta em doses mais altas que na radiação solar”, alerta.

Alimentação também pode ajudar

O betacaroteno é uma substância que no organismo, tanto funciona como fotoprotetor, como auxilia na formação de melanina. Segundo a médica, se ingerido na quantidade de 15 a 30 mg por dia, ainda ajuda a prolongar o bronzeado. “Os efeitos de uma dieta rica em betacaroteno aparece em 10 a 12 semanas. Entre os alimentos indicados destacam-se a cenoura, o mamão, o espinafre e vegetais amarelos e verde-escuro. O consumo de pães e cereais integrais também é recomendado, pois esses alimentos são ricos em vitaminas do complexo B e zinco, que melhoram o aspecto da pele”, ensina.

Por Daniele Monte


Veja Mais...