Marcio responde



Como identificar a verdade das fakenews, quando se fala em saúde?


Marcio Atalla responde às suas dúvidas, aqui


Existem muitas publicações que falam de saúde de forma geral, dando dicas de como se alimentar, se exercitar e principalmente fórmulas mágicas que prometem muito resultado com pouco esforço. Como eu, um simples leitor desses veículos, consigo distinguir o que é realmente sério e útil daquilo que pode colocar a saúde em risco?

Renato Ouriveo – Porto Feliz – SP

Primeiro é importante verificar quem assina a matéria ou dá a informação. Procurar saber se trata-se de uma pessoa de credibilidade, ver seu trabalho, certificar-se se é da área de saúde ou apenas curioso. Minha dica, baseada em anos de experiência com pessoas que buscavam mudar o estilo de vida, é que não existe fórmula mágica alguma. Até agora, pelo menos, nada é comprovadamente mais eficiente para a saúde e para a boa forma que a atividade física regular e uma alimentação mais rica, equilibrada e fracionada. Desconfie de dietas que prometem emagrecer tantos quilos em um determinado tempo. Como alguém pode passar uma dieta para outra pessoa sem a conhecer, sem saber como é sua condição física, seu ritmo metabólico, sua rotina, e ainda garantir que 8, 9 ou 10 quilos serão eliminados naquele tempo especifico? Quem pode acreditar nisso? E os remedinhos? Os kits? As fórmulas manipuladas? Nada em que se possa confiar, já que para ter resultados essas cápsulas mágicas mexem com o metabolismo e os hormônios, tornando os consumidores dependentes ou causando o efeito rebote – quando se ganha toda a gordura que se perdeu, quando na verdade o que se perdeu foi tempo, dinheiro e muita saúde.


Veja Mais...