Nutrição


Alho gigante é produzido sem o odor característico dos comuns

Ele também possui um sabor muito mais suave


Alho gigante é produzido sem o odor característico dos comuns

Se você evita alho por conta do mau hálito que causa, seus problemas acabaram. Dois empresários italianos resolveram a questão depois de passar três anos cultivando uma nova espécie de alho, o aglione, que não possui mau cheiro.

Este alho surgiu na região da Toscana, na Itália, mas parou de ser produzido em grandes quantidades há 40 anos. Possui fácil digestão e um sabor muito mais suave. E chega a ser 10 vezes maior que o normal.

Produzi-lo novamente não foi tarefa fácil, pois estava quase extinto. Os dois empresários italianos que se dedicaram a façanha, Alessandro Guagni e Lorenzo Bianchi, conseguiram apenas algumas sementes com produtores locais.

Agora, o objetivo e tentar que os restaurantes italianos se tornem adeptos da cultura desse típico alimento da culinária italiana e passem a oferecer ao clientes, fazendo com que o alimento volte a ser consumido.

O alho, em seu tamanho normal, já é considerado um super alimento, em função de suas virtudes curativas. Ele ajuda a proteger o organismo contra o câncer de colon, devido as quantidades de Vitamina C e Selênio que possui. A alicina, substância encontrada no alho, ajuda o processo de emagrecimento.

Também combate os radicais livres que provocam o envelhecimento. Previne gripes e resfriados, devido as suas propriedades antivirais e antibacterianas. Ele também reduz a inflamação e a dor no corpo, ajudando pessoas que sofrem de osteoartrite e artrite reumatoide.




Clique aqui e veja todas as matérias

Veja Mais...








Clique aqui e veja todas as matérias

Confira também nossos guias


Ícone
Ícone
Ícone
Ícone
Ícone