Nutrição


Carne vermelha aumenta risco de morte por câncer de próstata

Grãos refinados e laticínios integrais também têm esse efeito


Carne vermelha aumenta risco de morte por câncer de próstata

Quem tem câncer de próstata deve cortar carnes vermelhas e/ou processadas, laticínios integrais e grãos refinados. Tais alimentos aumentam o risco de morte relacionada ou não ao tumor. O alerta foi dado após estudo realizado pela Escola de Saúde Pública da Universidade de Havard, nos Estados Unidos.

Participaram do estudo 926 homens que foram acompanhados durante 14 anos depois de terem o câncer de próstata diagnosticado. Os participantes foram divididos segundo as dietas que consumiam. Um grupo ingeriu mais carnes vermelhas e/ou processadas, laticínios integrais e grãos refinados. Já o outro consumiu mais vegetais, frutas, peixes e grãos integrais. O primeiro grupo teve 67% mais de chance de vir a óbito que o segundo grupo.

A dieta do primeiro grupo, característica do povo ocidental, pode ser substituída por alguns alimentos que tem comprovada ação no combate ao câncer. Um deles é o brócolis, que possui compostos como o fitoquímico sulforafano, que destroi células cancerígenas e preserva a saúde das que não foram afetadas. O chá verde é rico em antioxidantes que também atuam na prevenção do câncer.

Outro alimento que tem efeito comprovado na prevenção do câncer de próstata é o tomate. Isso porque é rico em licopeno, um carotenoide que possui alto efeito de proteção contra a oxidação celular. Assim como cenoura, a uva que combatem os radicais livres.




Clique aqui e veja todas as matérias

Veja Mais...








Clique aqui e veja todas as matérias

Confira também nossos guias


Ícone
Ícone
Ícone
Ícone
Ícone