Nutrição



Jejum intermitente

Essa estratégia pode ser uma boa opção para a nutrição?


Jejum intermitente

Você conhece a dieta do jejum intermitente? Ela é na verdade uma estratégia alimentar, onde os indivíduos intercalam períodos de jejum com períodos se alimentando normalmente, conforme sua necessidade.

Existem diversas estratégias: de 12 horas, 18 horas, 24 horas e podendo ser realizada uma, duas ou três vezes por semana. O protocolo escolhido varia para cada indivíduo e objetivo. No período de jejum são liberados líquidos sem calorias como: água, chás, café e suco de limão sem açúcar e adoçante, já que esses alimentos não “quebram” o jejum.

Mas o jejum intermitente emagrece? Com a palavra a nutricionista Juliana Guerrero: ‘’Sim ele pode ser uma estratégia utilizada para emagrecimento, já que leva a uma restrição calórica ,que é o que emagrece, biologicamente falando’’.

“Acredita-se ainda que fazer o jejum possa trazer benefícios em relação à renovação celular, maior queima de gordura, melhora de parâmetros metabólicos como a redução da glicemia, saúde mental e longevidade. Mas esta dieta deve ser acompanhada por um profissional capacitado. Ainda há muito pouco comprovado sobre seus reais benefícios e malefícios, portanto, todo cuidado é pouco”, conclui Juliana.

Na verdade, o alimento faz parte da nossa vida, alias, é essencial para que tenhamos vida. Então não seria melhor aprendermos a comer do que passarmos períodos nos privando exatamente daquilo que nos permite viver? Fica a reflexão…

Equipe Marcio Atalla




Veja Mais...





Clique aqui e veja todas as matérias

Confira também nossos guias


Ícone
Ícone
Ícone
Ícone
Ícone
Ícone