Estilo de Vida


Ficar sentado muito horas pode comprometer tempo de vida

No ambiente de trabalho, optar por ficar algumas horas em pé pode reduzir riscos


Ficar sentado muito horas pode comprometer tempo de vida

Imaginar que ficar sentado por longas horas pode nos adoecer parece insano, certo? Mas não é. Segundo informações sobre um estudo realizado por pesquisadores da USP e divulgado pela agencia de notícias da própria universidade, até 4% das mortes no mundo poderiam ser evitadas apenas reduzindo o tempo que as pessoas permanecem sentadas ao longo do dia.

Para os pesquisadores, seriam 433 mil pessoas por ano. Os dados são de um estudo realizado por pesquisadores da USP e da Universidade Federal de Pelotas. Para quem fica sentado entre 4 e 7 horas por dia, o risco de morte aumenta em 2% para cada hora sentado. “Por exemplo, ficar sentado 4 horas, aumenta o risco em 2%; 5 horas, 4%; 6 horas, 6%; 7 horas, 8%. A partir de 7 horas sentado, o risco aumenta para 5%; 8 horas, 13%; e 9 horas, 18%”.

Estratégias devem ser adotadas para minimizar os efeitos nocivos da falta de atividade, como ficar de pé por algumas horas, pegar café ou água com maior frequência, reunir-se eventualmente com um ou dois colegas de trabalho em pé.




Clique aqui e veja todas as matérias

Veja Mais...








Clique aqui e veja todas as matérias