Estilo de Vida


Poderes da aspirina em evitar câncer estão sendo estudados

Reino Unido começou a testar se medicamento é realmente eficaz para este fim


Poderes da aspirina em evitar câncer estão sendo estudados

Quem diria que a aspirina, uma medicação de valor irrisório, poderia ser considerada capaz de mudar o tratamento do câncer? Por incrível que pareça, o Reino Unido deu início a testes com o objetivo de comprovar que a Aspirina possui a capacidade de impedir o retorno da doença.

Os cientistas estão muito otimistas com os benefícios que o remédio poderá gerar aos pacientes com câncer, devido ao fácil acesso que a medicação possui junto à população. Para chegar a uma conclusão, os cientistas analisarão os efeitos da aspirina em 11 mil pacientes que já enfrentaram os mais variados tipos de câncer. A pesquisa contará com a participação de 100 centros de saúde e será de longa duração. A estimativa dos pesquisadores é que o estude se prolongue por 12 anos. O esforço, no entanto, valerá à pena, principalmente pela aspirina ser uma medicação barata, o que representará um grande avanço e ao alcance dos pacientes no sentido de impedir o retorno da doença e permitir a sobrevivência.

No decorrer da pesquisa, os pacientes serão divididos em grupos, onde cada um será submetido a uma dosagem diferente de aspirina diariamente. Após cinco anos de estudo, os pesquisadores irão cruzar informações e fazer a comparação entre os grupos com o objetivo de descobrir qual deles apresentou menor taxa de recorrência da doença.




Clique aqui e veja todas as matérias

Veja Mais...








Clique aqui e veja todas as matérias