Estilo de Vida


Saiba quais produtos infantis podem e não podem ser usados por adultos na hora da rotina de beleza

Cosméticos destinados aos adultos são proibidos para crianças. Mas alguns produtos infantis podem ser usados por adultos, desde que utilizados da forma correta.


Saiba quais produtos infantis podem e não podem ser usados por adultos na hora da rotina de beleza

Grande parte das pessoas acredita que não há diferença entre produtos infantis e adultos. Mas é importante ressaltar que essa distinção existe e usar o produto inadequado pode causar problemas à pele das crianças, como reações alérgicas, pois até a puberdade o tecido cutâneo é muito mais delicado do que na vida adulta, produzindo uma menor quantidade de suor e sebo, o que torna as crianças mais sensíveis à ação de alguns produtos. E é justamente essa sensibilidade da pele que faz com que a indústria dermocosmética pense em produtos específicos para os pequenos, com fórmulas menos agressivas. Em contrapartida, adultos podem se beneficiar do uso de produtos específicos para o público infantil, principalmente aqueles que possuem a pele sensível. Porém, nem todos os produtos infantis são indicados para o público mais velho, sendo importante ficar atento na hora de escolher quais produtos levar para a casa:

Shampoos – Os shampoos infantis, por exemplo, são ótimos demaquilantes para a área dos olhos, já que, por possuírem uma fórmula suave e pH neutro limpam bem as pálpebras e cílios sem agredir a região. No caso, para usar o produto com essa finalidade, basta colocar algumas gotas do shampoo em um algodão úmido, aplicar levemente nas pálpebras e, em seguida, enxaguar. Mas o uso do shampoo infantil por adultos deve ser restringido a sua ação demaquilante, pois o produto não traz nenhum benefício ao couro cabeludo e aos cabelos dos adultos quando utilizado para higienização dos fios visto que existe uma incompatibilidade entre o pH do shampoo infantil e do couro cabeludo de adultos: enquanto os shampoos infantis possuem pH igual a 7, ou seja, neutro, o pH do couro cabeludo de um adulto é por voltar de 5.

Talco – Muito utilizado como desodorante devido a sua alta capacidade de absorção de suor, o talco possui diversas aplicações no dia a dia de um adulto, como ajudar a controlar a oleosidade do couro cabeludo e diminuir o mau odor que surge nos pés no final do dia devido ao excesso de suor.

Mas, apesar desses benefícios, o produto não é exatamente recomendado para adultos, pois, quando aplicado de forma exagerada na pele, o talco pode causar a obstrução dos poros, facilitando assim o surgimento de foliculite, brotoejas e irritações. Por isso, é importante utilizar o produto com moderação.

Pomada de assadura – As pomadas usadas para combater assaduras em bebês são ótimas para serem utilizadas em regiões ressecadas, como lábios e cotovelos, e para acalmar a pele após a exposição solar exagerada. Isso por que esses produtos são ricos em substâncias hidratantes e calmantes, como a Vitamina B5, que possui alta capacidade hidratante e regenerativa da pele, e Óxido de Zinco, que forma uma barreira de proteção sobre o tecido.

Porém, é fundamental que você não utilize essas pomadas para combater olheiras, prática realizadas por muitas mulheres, pois, além de não amenizarem as alterações, já que não possuem ativos clareadores ou antioxidantes, as pomadas ainda podem causar alergias ou aumentar a oleosidade no rosto, afinal, este tipo de produto não passa por testes de irritação ocular ou de comedogenicidade.

Óleo Vegetal – Os óleos usados para hidratar a pele dos bebês são ótimos para serem utilizados após procedimentos de depilação, já que acalmam a pele irritada e avermelhada, proporcionando alívio ao tecido cutâneo e deixando a pele mais macia e lisa. Além disso, os óleos vegetais também podem ser usados como demaquilantes para remover a maquiagem mais pesada, pois não agridem a pele.

Lenço umedecido – Multifuncionais, os lenços umedecidos fazem parte do nécessaire da grande maioria das pessoas. Porém, esses produtos são feitos para realizar a higienização intima do bebê e não devem ser utilizados para outras finalidades, principalmente para higienização da face. Isso por que, quando utilizados no rosto, os lenços umedecidos removem em excesso a oleosidade da pele, deixando-a desprotegida e causando um efeito rebote, com consequente aumento da produção da oleosidade. Sendo assim, evite utilizar este tipo de produto e, se precisar utilizá-los em casos de emergência, prefira aqueles que não possuem perfume e enxágue o rosto logo após o uso.

Em caso de dúvidas se o produto infantil também pode ser utilizado por adultos, o recomendado é que você consulte um dermatologista. Apenas ele poderá realizar uma avaliação de sua pele e da fórmula dos produtos, indicando os mais recomendados para o seu caso.

Por:  Lucas Portilho




Clique aqui e veja todas as matérias

Veja Mais...








Clique aqui e veja todas as matérias